Procissão de São Boaventura encerra festejos ao padroeiro em Canavieiras

Neste sábado (14), canavieirenses celebraram o dia do padroeiro São Boaventura com missas, procissão e shows encerrando em clima de devoção e festa quase duas semanas de homenagens ao santo.
O grande e último dia festivo teve programação especial  que se iniciou as seis horas com alvorada e hino de São Boaventura, repicar de sinos e  queima de fogos. As 10 horas foi realizada missa solene celebrada em louvor a São Boaventura, concelebrada pelo Padre Vinicius Mascarenhas (pároco da Paróquia São Boaventura), contando com a presença do Bispo da Diocese de Itabuna, Dom Carlos Alberto dos Santos, e de padres visitantes, como padre Euvaldo, pároco anterior da cidade. Um grande número de fiéis e autoridades do município, prefeito e vice-prefeito Clóvis Roberto Almeida e Carlos Alberto Medrado Filho, prestigiaram a missa dedicada ao padroeiro.

Às 16h foi realizada na praça de São Boa Ventura, uma missa campal com celebração Eucarística, que contou com a presença de 15 comunidades da cidade e imagens de seus santos de devoção.

 

 

Ás 18 horas a procissão saiu percorrendo as principais ruas da cidade com 16 imagens dos santos das comunidades religiosas da cidade, dentre elas a do Poxim, com o santo Francisco de Assis, que abriu a procissão com crianças vestidas de anjinhos e de São Boaventura. Logo após, a imagem de Santa Rita do distrito de Hermelândia, Nossa Senhora da Conceição de Ouricana, São Pedro de Era Nova e Nossa Senhora de Aparecida de Pedra Alta,  todos em adornos ornamentados com flores que seguiam carregados por devotos de suas comunidades.

O último dos 16 santos da procissão foi São Boaventura, padroeiro da cidade, cujo adorno, enfeitado com muitas flores nas cores vermelho e branca,  seguiu em carro aberto sendo acompanhado pela Filarmônica 2 de janeiro, populares, prefeito Dr. Almeida e animados por um minitrio com louvores da banda da oração carismática e movimento Escalada de Canavieiras.

No retorno à Praça de São Boaventura, padre Vinicius deu a benção final do Santíssimo Sacramento e, na sequência, teve início momento oracional  com show da Banda Colo de Deus. A noite foi encerrada com shows das bandas Carlota Joaquina, Bandalana e Gero, que encerraram a  programação oficial dos festejos à São Boaventura da prefeitura municipal.

Foram 14 dias de festas profanas e religiosas dedicadas ao padroeiro de Canavieiras,  tendo como pontos altos o tradicional Cortejo e Lavagem da Escadaria da Igreja Matriz de São Boaventura realizado no último domingo (8) e a procissão ao santo padroeiro neste sábado (14), que encerrou as comemorações.

Este ano os festejos ganharam um brilho a mais com a comemoração dos 300 anos da Paróquia, celebrado em 11 de abril,  e tiveram como tema:  “300 anos de fé e evangelização neste chão, construindo  o Reino de  Deus”. As festividades começaram no dia 1 de julho com uma carreata e início da trezena, com missas diárias e temáticas. As maiores concentrações de público foram nos finais de semana de 7 e 8  e de 13 e 14 com shows musicais de 15 bandas regionais, dentre elas 3 católicas, reunindo um público de quase 25 mil pessoas, que movimentou a Praça de São Boaventura e as barraquinhas com comida regionais típicas instaladas no local.

A História

Giovanni Fidanza foi o verdadeiro nome de São Boaventura, padroeiro de Canavieiras. Ele nasceu em Bagnoregio, no centro da península italiana em 1221 e morreu em Lyon, na França, em 15 de julho1274. Pertenceu à Ordem dos Frades Menores e foi cardeal de Albano.

Canavieiras o tem como padroeiro, devido ao fato de sua imagem ter sido encontrada nas praias do Poxim no século XVII, hoje distrito do município, quando o povoado ainda estava em sua fase inicial. Nesta ocasião, o núcleo populacional estava localizado no Poxim, sendo depois transferido para a Ilha de Canavieiras.
A festa litúrgica de São Boaventura é comemorada no dia 15 de julho, data de sua morte, mas em Canavieiras, a data é comemorada no dia 14 de julho desde quando da criação da Paróquia de São Boaventura em 11 de abril de 1718.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!